PRÓTESES

 

O que é uma prótese fixa?

É a restauração parcial ou total da coroa de um dente, quando se denomina prótese fixa unitária, ou a substituição de um ou mais dentes perdidos, quando se denomina prótese parcial fixa (ou "ponte fixa"). Ao ser fixado sobre os dentes do paciente, previamente preparados para recebê-la, reabilita-o para mastigar, falar ou sorrir. Recebe o nome de "fixa" porque não pode ser removida pelo paciente ou pelo dentista, a menos que este a corte com o uso de brocas especiais.

Quanto tempo dura uma prótese fixa?

A durabilidade de uma prótese fixa depende de vários fatores:
1 - De um bom exame e planejamento prévio;
2 - Da técnica e dos materiais utilizados;
3 - Da fineza da adaptação da prótese aos dentes;
4 - Da boa relação da prótese com os tecidos gengivais;
5 - Da firmeza da sua oclusão, isto é, da sua harmonia com a função mastigatória.
Em media uma prótese fixa dura mais o menos cinco anos.

Quais os tipos de materiais utilizados?

As próteses fixas podem ser só metálicas. Metálicas revestidas por um material estético plástico ou cerâmico (também chamada de porcelana) e finalmente, de resinas ou plásticos especiais.

Há necessidade de realização de tratamento de canal dos dentes de suporte?

Não, pois o melhor elemento de suporte é aquele dente o mais íntegro na sua estrutura e com as gengivas e a polpa sadias. Porém, se há dúvidas quanto à saúde da polpa, indica-se o tratamento endodôntico (canal), assim como para aqueles dentes que serão usados como suportes de ponte fixa, mas estão muito inclinados, e o corte para ajustá-los ao eixo de inserção da prótese seria muito grande e danoso à integridade pulpar. Um bom tratamento de canal para esses casos evitaria problemas futuros que poderiam diminuir a durabilidade da prótese.

É difícil a escovação da prótese fixa?

Não, pontes e as coroas devem ser escovadas da mesma forma que se escova os dentes naturais, com escova e fio dental.

Demora em ser executada?

Em media de 4 a 5 sessões clínicas de 1 hora, nelas serão feitas os ajustes laboratoriais, tais como adaptação, cor do dente, altura, formato, etc.

O resultado estético é bom?

Sem duvida é um dos tratamentos que mais se assemelham ao nosso dente natural, tanto em estética como em resistência.

Eu fico sem os dentes durante o tratamento?

Não, será confeccionado coroas, possibilitando a mastigação, falar e sorrir, satisfatoriamente, durante o tratamento.

Por que o dente perdido precisa ser substituído?

Os dentes, para funcionarem bem, precisam estar em equilíbrio nos arcos dentário superior e inferior. A perda de um só dente desequilibra esse sistema de forças, e os dentes movimentam-se migrando para compensar a perda. E espaços são criados, desníveis acontecem e a mastigação e a estética sofrem. Os dentes precisam ser recolocados porque eles fazem parte de um todo: o sistema mastigatório. 

Prótese removível

São próteses removíveis, que tem a finalidade de substituir um ou mais dentes.

Como este aparelho se fixa na boca?

Através de grampos "semiflexíveis" metálicos apoiados em dentes naturais (dentes pilares) e por um perfeito assentamento do aparelho sobre a gengiva das áreas desdentadas.

O que é Prótese Parcial Removível (PPR)?

É um aparelho protético que substitui os dentes naturais, perdidos em arcadas nas quais ainda permanecem alguns dentes naturais, portanto, com perda parcial de dentes. E chamada de removível porque pode ser retirada pelo portador no momento que este desejar.

É possível eliminar os grampos metálicos a fim de torná-la imperceptível?

Toda PPR(Prótese Parcial Removível) convencional necessita de grampos. Para e eliminá-los, seria necessário um aparelho removível que se adapte através de encaixes colocados em coroas protéticas cimentadas sobre alguns dentes naturais remanescentes. Essa prótese, é mais indicada quando a estética é fundamental. Ela possui custo mais elevado e técnicas para sua execução.

Outro tipo de prótese são as flexíveis, que são estéticas, o segredo delas esta na cor de grampos que se mistura com a cor da gengiva.

Os grampos estragam os dentes naturais?

Nos próximos 5 anos não, porem se são próteses muito extensas e em casos do paciente possuir poucos dentes, pode ocorrer a mobilidade do ultimo dente.

O portador deve higienizá-los cuidadosamente, bem como os dentes naturais e o aparelho, pois o que causa a perda do dente além da função da prótese é a falta de escovação. Sem a presença dessa placa bacteriana, o dente se manterá sadio.

Como deve se fazer para higienizá-los?

A prótese deverá ser removida para limpeza sempre após a ingestão de alimentos. Devem-se utilizar escovas especiais que facilitem a limpeza das superfícies internas - por exemplo, escova cilíndrica. Remover bactérias, fungos e restos de alimentos do aparelho é tão importante quanto a limpeza dos dentes naturais. Para todo paciente portador de próteses, é necessário fazer visitas periódicas.